OBTENHA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O QUE OS MELHORES COMÉRCIOS E PRESTADORES DE SERVIÇOS DE SILVÂNIA E REGIÃO, TEM PARA LHE OFERECER, CLICANDO SOBRE OS ESPAÇOS DE PUBLICIDADE ABAIXO:

sábado, 29 de agosto de 2015

Dois indivíduos são presos por receptação, com motocicleta furtada, no início da tarde deste sábado 29/08/2015, no Bairro São Sebastião, em Silvânia.


Policiais militares lotados na 47°CIPM de Silvânia, em uma equipe composta pelo Sargento Gabriel e Sargento Castro, foram acionados às 12h 15min, da tarde deste sábado, 29/08/2015, através do celular funcional (62) 9631-4107, da viatura 7526, por um Policial Civil lotado na Depol de Silvânia, que informou sobre a existência de uma motocicleta com queixa de furto e roubo, que teria sido avistada pelo mesmo, no Bairro São Sebastião, em Silvânia.

A equipe se deslocou até o local, na Rua 2 com a Rua Quintiliano Leão, e após averiguação, comprovou que a motocicleta Honda  CG, 150 Fan, ESDI, cor vermelha, placa de Goiânia, realmente se tratava de produto de furto e roubo na cidade de Goiânia, onde o proprietário estava vendendo a motocicleta e um indivíduo, interessado em compra-la, teria saído na mesma para experimenta-la, e na sequência efetivou o furto.
A motocicleta estava sob a posse de Alef de Jesus de Paula, 20 anos, natural de Salinas-MG, e residente em Sobradinho-DF, e de Almir Laydston Oliveira Messias, 19 anos, natural de Salinas-MG, e residente em Sobradinho-DF, que foram presos e conduzidos a Delegacia de Polícia Civil de Silvânia, e autuados em flagrante, na presença do Delegado De.Leonardo Barbosa Sanches, por crime de receptação.O Delegado arbitrou fiança no valor de R$3.000,00 (Três mil reais), para cada um, como não foi paga, ambos foram conduzidos a Unidade Prisional de Silvânia, onde encontra-se  a disposição das autoridades judiciárias locais.
Motocicleta produto de furto que estava sob a posse dos indivíduos presos.
Foto: Christiano Lobo.




Da esquerda para a direita:Alef e Almir, presos e autuados por receptação, e em seguida conduzidos a Unidade Prisional de Silvânia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário