OBTENHA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O QUE OS MELHORES COMÉRCIOS E PRESTADORES DE SERVIÇOS DE SILVÂNIA E REGIÃO, TEM PARA LHE OFERECER, CLICANDO SOBRE OS ESPAÇOS DE PUBLICIDADE ABAIXO:

segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Polícia Rodoviária Federal, apreende 900 kg de maconha em carro roubado no dia 16 de agosto em Aparecida de Goiânia.

PRF apreende 900 kg de maconha em carro roubado, em Rio Verde, GO
Droga estava espalhada pelo banco traseiro e também no porta-malas. Após fugir da barreira policial, dupla abandonou o veículo e fugiu a pé.
20/09/2015 19h32 - Atualizado em 20/09/2015 19h32
Do G1 GO
Maconha estava espalhada pelo banco traseiro e porta-malas de carro em Rio Verde, Goiás (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)Maconha estava espalhada pelo banco traseiro e porta-malas de carro (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
A Polícia Rodoviária Federal apreendeu neste domingo (20) cerca de 900 kg de maconha na BR-060, próximo a Rio Verde, no sudoeste de Goiás. A droga estava dentro de um carro que seguia em direção a Goiânia. Os dois ocupantes abandonaram o veículo às margens da rodovia e fugiram a pé.

Os agentes receberam denúncias de que o motorista do carro estava fazendo manobras perigosas pela rodovia. A polícia tentou parar o veículo na barreira. “Eu fiz a abordagem pensando que ele estava embriagado. Dei a ordem de parada do veículo, ele simulou que ia parar, foi até a direita da via, quando eu me aproximei, ele empreendeu fuga”, disse o inspetor da PRF Izzac Serra.
Depois de fugir da barreira, os suspeitos seguiram de carro cerca de 2 km, saíram da pista e percorreram mais alguns metros pelo mato às margens da rodovia e abandonaram o veículo. Em seguida, fugiram a pé pela mata. Eles seguem foragidos. A suspeita é que eles receberam ajuda na fuga.
A droga estava espalhada pelo banco traseiro e no porta malas do carro. Ao checar o carro, os agentes descobriram que as placas eram falsas. Entretanto, o documento original estava dentro do veículo. Segundo a PRF, ele foi roubado em Aparecida de Goiânia no dia 16 de agosto.
Fonte: G1.globo.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário