OBTENHA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O QUE OS MELHORES COMÉRCIOS E PRESTADORES DE SERVIÇOS DE SILVÂNIA E REGIÃO, TEM PARA LHE OFERECER, CLICANDO SOBRE OS ESPAÇOS DE PUBLICIDADE ABAIXO:

domingo, 19 de fevereiro de 2017

Escola Municipal Geraldo Napoleão de Souza, teria sido invadida entre a noite de sábado e madrugada deste domingo, 19/02/2017.Situação expõe fragilidade e necessidade urgente de implantação de medidas para resguardar o patrimônio público, particular e a integridade do cidadão.

A Escola Municipal Geraldo Napoleão de Souza, localizada na Avenida Padre Leandro Caliman, no Bairro Nossa Senhora de Fátima, em Silvânia, teria sido invadida entre a noite de sábado e madrugada deste domingo 19/02/2017.
Autor ou autores, teriam quebrado uma das janelas do prédio público, e informações iniciais dariam conta de que a princípio, somente chaves de duas portas do local teriam sido subtraídas.
Essa não teria sido a primeira vez que a escola teria sido invadida.
Já noticiamos diversas invasões e
subtrações de pertences de órgãos públicos municipais de Silvânia, entre eles:Centros Municipais de Educação Infantil e Unidades Básicas de Saúde.
Situações que trazem sempre a tona a importância da tomada de medidas preventivas para resguardar o patrimônio público, particular e a integridade do cidadão como um todo, entre elas podemos destacar a necessidade da implantação de câmeras de segurança nas vias públicas e sobretudo nas entradas e saídas da cidade.Medida esta que poderia coibir:roubos, furtos, vandalismo, abandono de animais, entre outras práticas criminosas.
Nos últimos anos, várias audiências públicas foram realizadas, demandando dinheiro público e tempo do cidadão, porém, nada do que foi decidido, foi implantado na cidade, (como por exemplo a instalação de 25 câmeras com alcance de 1800 (mil e oitocentos) metros, com visão de 360°, inclusive as árvores da Avenida Mário Ferreira, foram cortadas e uma das justificativas seria para facilitar a visualização do local através de câmeras), situação que deixa um espaço vago na Segurança Pública do município.
Talvez quando uma de nossas autoridades do Poder Público Municipal, passar pelo trauma psicológico de ver uma arma apontada para a cabeça de um filho ou esposa, ou ainda de sua própria cabeça, quando ver seus bens serem tomados, quem sabe assim, atitudes urgentes sejam tomadas.
                            ATENÇÃO!
REPRODUÇÃO TOTAL OU PARCIAL OU AINDA DIVULGAÇÃO DAS NOTÍCIAS, OBTIDAS DO BLOG OLHAR CIDADÃO SILVANIENSE, SÃO AUTORIZADAS, DESDE QUE A FONTE DAS INFORMAÇÕES SEJA MENCIONADA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário