OBTENHA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O QUE OS MELHORES COMÉRCIOS E PRESTADORES DE SERVIÇOS DE SILVÂNIA E REGIÃO, TEM PARA LHE OFERECER, CLICANDO SOBRE OS ESPAÇOS DE PUBLICIDADE ABAIXO:

sexta-feira, 21 de abril de 2017

Apontado como o maior traficante de Goiás, Marcelo “Zói Verde” é morto a tiros na Bolívia.No último dia 4, o ministro Lewandowski, do STF, decidiu suspender sua condenação por considerar que a Justiça Federal é incompetente para julgar o caso.

Do Mais Goiás | Postado em: 21/04/2017 às 12:00:59
Apontado como o maior traficante de Goiás, Marcelo “Zói Verde” é morto a tiros na Bolívia

Marcelo Gomes de Oliveira, conhecido como “Zói Verde”, considerado um dos maiores traficantes de Goiás, foi morto na Bolívia na noite desta quinta-feira (20). A informação foi confirmada ao Mais Goiás pelo advogado dele, Emerson Vita.


Segundo o defensor, a morte de Marcelo Gomes foi perpetrada pela polícia daquele País, na cidade de Santa Cruz de la Sierra, em circunstâncias ainda desconhecidas. “O por quê disso ter acontecido dificilmente vamos conseguir saber”, disse.

Conforme Emerson, a família de Marcelo está em choque com a notícia. A esposa dele está neste momento a caminho do País vizinho para iniciar os tramites do traslado do corpo.

Conhecido como o maior traficante de Goiás, Zói verde foi preso em maio de 2014, em Brasília. As apurações policiais indicaram que, com o tráfico internacional de drogas, ele teria acumulado um patrimônio de mais de R$ 80 milhões.

Em junho de 2015 ele foi condenado pela Justiça Federal a 42 anos e cinco meses de prisão. A defesa, contudo, entrou com recurso argumentando que a Sessão Judiciária do Estado era incompetente para julgar o caso. Ainda em 2015, Marcelo foi solto e nunca mais foi visto.

No último dia 4, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski decidiu suspender sua condenação por considerar que a Justiça Federal é incompetente para julgar o caso.

Imprensa boliviana

O site El Deber, da imprensa boliviana, noticiou que um “homem de nacionalidade brasileira”, referindo-se a Marcelo Gomes, foi morto a tiros por bandidos por volta das 21h desta quinta. As informações preliminares são creditadas à Força Especial de Luta Contra o Crime (Felcc) de Los Tusequis.

As fontes do veículo de notícia dão conta de que sujeitos armados em um veículo Toyota teriam perseguido a vítima e a atingido com disparos de armas de fogo. Um hora depois, em meio a uma busca policial que mobilizou diversas viaturas, o veículo dos suspeitos foi encontrado abandonado em uma rua.
Fonte:Reprodução/Mais Goiás.

Nenhum comentário:

Postar um comentário