OBTENHA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O QUE OS MELHORES COMÉRCIOS E PRESTADORES DE SERVIÇOS DE SILVÂNIA E REGIÃO, TEM PARA LHE OFERECER, CLICANDO SOBRE OS ESPAÇOS DE PUBLICIDADE ABAIXO:

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Traficantes de drogas são presos em bloqueio da Polícia Militar, quando chegavam com drogas em Silvânia, na tarde deste domingo, 14/05/2017.

Policiais Militares lotados na 47° CIPM, de Silvânia, na viatura 8940, em equipe composta pelo Sargento Morais e Soldado Kleverson, munidos de informações oriundas de uma denuncia anônima que informava que dois indivíduos em uma motocicleta YAMAHA/FAZER YS 250, cor preta, ano e modelo 2006, placas NGF-9035, de Goiânia-GO, estariam vindo para Silvânia, para praticar a mercancia de drogas, se deslocaram até às proximidades do Ginásio Anchieta, na entrada da cidade de Silvânia, onde montaram um bloqueio,
onde lograram êxito em abordar a referida motocicleta, às 16 horas, dada a ordem de parada, os ocupantes do veículo percorreram alguns metros, dispensando duas embalagens de cor preta.
Recolhidas as embalagens, a equipe constatou haver no interior de uma delas várias porções de uma substância semelhante ao crack e no interior da outra várias porções semelhantes a maconha.
Consultada a situação da motocicleta, constatou-se, estar com o IPVA, atrasado desde o ano de 2008, além do condutor não portar documento do veículo e o mesmo não possuir CNH.
Foram presos:
*Bruno Fernandes dos Santos, 20 anos, natural de Anápolis;
*Valdinei Souza de Carvalho, 38 anos, natural de Niquelândia-GO.
O veículo foi apreendido e recolhido ao Pátio da 47°CIPM, foram apreendidos dois aparelhos celulares sendo um um da marca MOX, e um da marca Samsung, que estavam sob a posse do acusado Bruno.
Os acusados foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Silvânia, onde foram autuados em flagrante delito na Lei 11.343/2006 Artigo 33 caput:Tráfico de Drogas, na presença do Delegado de Polícia Dr. Leonardo Barbosa Sanches, em seguida, encaminhados para a Unidade Prisional de Silvânia, onde encontram-se, recolhidos e a disposição das autoridades judiciárias desta Comarca.

Um comentário: