OBTENHA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O QUE OS MELHORES COMÉRCIOS E PRESTADORES DE SERVIÇOS DE SILVÂNIA E REGIÃO, TEM PARA LHE OFERECER, CLICANDO SOBRE OS ESPAÇOS DE PUBLICIDADE ABAIXO:

domingo, 9 de julho de 2017

Editorial:De Bonfim a Silvânia, Grandes Vultos.Saudoso Padre Leandro Caliman.

Padre Leandro Caliman 1954.
Foto:Cortesia/Arquivo Carlos Mayer.
De família Italiana que chegou ao Brasil, no Estado do Espírito Santo, em 1889, Padre Leandro Caliman é natural de Venda Nova do Imigrante-ES, nascido em 23/01/1927,   filho de Fioravante Caliman e Marieta Carnielli, um dos homens de 14 irmãos (sendo um falecido com nove meses), entre eles, o também Padre Salesiano Cleto Caliman (in memorian), primeiro Pároco de Venda Nova do Imigrante-ES, que também foi Pároco de grandes feitos em Silvânia, como a construção da Igreja Matriz do Rosário, tendo também entre as irmãs:Irmã Anita religiosa Salesiana e Irmã Glória da Congregação de Jesus na Santíssima Eucaristia; Domingos; Jordelina; Clementino; Agostinho; Benito; Cacilda; Aniceta; Enedina; E o caçula Euclides.
Padre Leandro Caliman é tio de de Nelson Caliman, morador de Silvânia, onde constituiu família.


O Salesiano Padre Leandro Caliman veio para Goiás, e no Ginásio Anchieta, a exemplo do Instituto Auxiliadora, criados por Dom Emanuel Gomes de Oliveira, nomeado para Bispo de Goiás em 1922, que em 1925, lançou a pedra fundamental do Ginásio Anchieta, dando a futura escola o nome de Ginásio Anchieta o qual passou a funcionar em 1926, provisoriamente na Igreja de Nosso Senhor do Bonfim e outros prédios da cidade, até que em 1929, mesmo com o prédio inacabado, passou a funcionar em definitivo onde é hoje o Ginásio.

Nestes 92 anos de história do Ginásio Anchieta de Silvânia, entre tantos outros um grande personagem da educação e evangelização de jovens de Silvânia, cidades circunvizinhas, diversas cidades goianas e de vários Estados Brasileiros teve papel de destaque, o saudoso Padre Leandro Caliman, que foi Professor, Diretor da Escola Técnica-agrícola, responsável também pelos pomares, árvores  entre tantas outras obras daquela instituição de ensino, dono de uma mão abençoada para o plantio.

Tive o prazer de ser seu aluno em 1991, quando fui aluno interno, e de estar ao seu lado na caminhada de protesto contra a venda do Ginásio Anchieta para a então Construtora ENCOL, para se tornar um hotel fazenda.Tenho na memória várias passagens e boas lembranças de Padre Leandro, que não está mais entre nós mas sua história de vida, seu legado é repassado a diversas gerações.

Deu nome ao Centro de Formação da Agricultura Familiar Padre Leandro Caliman, inaugurado em 26/11/2009, mantido pela União Brasiliense de Educação e Cultura- Ubec, mantenedora da Universidade Católica de Brasília, que funcionou no Ginásio Anchieta, por cerca de quatro anos.

Como não lembrar das deliciosa eugenias plantadas por Padre Leandro, no Ginásio Anchieta e na Avenida Dom Bosco, que ainda servem de delicioso alimento?

Como não se lembrar do seu tom de voz firme?

Padre Leandro Caliman, faleceu em Silvânia, em 28/06/1997, e seu corpo foi sepultado no Cemitério Municipal.

Uma importante avenida onde está localizada a Universidade Estadual de Goiás-Campus Padre Lobo, em Silvânia, que liga a Praça Rui Barbosa (Praça do Moisés Santana), a saída da cidade, recebeu seu nome em uma justíssima homenagem.

Padre Leandro Caliman forjou o caráter de milhares de jovens, hoje homens espalhados por todo o Brasil.

Por Christiano Lobo, com informações de: morrodomoreno.com.br/materias/familia-caliman.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário