OBTENHA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O QUE OS MELHORES COMÉRCIOS E PRESTADORES DE SERVIÇOS DE SILVÂNIA E REGIÃO, TEM PARA LHE OFERECER, CLICANDO SOBRE OS ESPAÇOS DE PUBLICIDADE ABAIXO:

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Cerâmica localizada às margens da GO-010, próximo ao trevo de Silvânia, é roubada a mão armada na madrugada desta quinta-feira, 28/12/2017.

Policiais Militares lotados na 47° CIPM, de Silvânia, na viatura 8940, em equipe composta pelo Sargento Enedir e Soldado Leite, foi acionada às 02h 40 min, desta quinta-feira, 28/12/2017, e se deslocaram até a Cerâmica CIPAL, localizada às margens da GO-010, próximo ao trevo de Silvânia, onde o solicitante funcionário da indústria informou que recebeu uma ligação de outro funcionário, informando que ao chegar para trabalhar às 01h 15min, encontrou a vítima outro funcionário da Cerâmica e que trabalha como queimador de fornos preso no escritório, ligando para o solicitante informando que a indústria havia sido roubada, este por sua vez acionou a Polícia Militar.


Chegando no local, a equipe policial encontrou a vítima ainda presa no escritório, pois a fechadura externa da porta havia sido arrombada, sendo possível a abertura da mesma somente após terem passado a chave por baixo da porta.

No escritório, todos os armários e gavetas das portas estavam abertas e documentos espalhados pelo chão, o cofre também foi arrombado.

Proprietários da Cerâmica compareceram no local, e após verificarem o escritório, não sabiam informar naquele momento o que havia sido subtraído.

A vítima, funcionário da indústria, é surdo e mudo e com a ajuda do outro funcionário solicitante, que acionou a Polícia Militar, interpretou seus gestos, onde o mesmo informou que os autores se tratavam de três indivíduos de cor morena, um gordo, e os outros magros e todos estavam com os rostos cobertos e armados com uma arma longa e duas armas curtas.A vítima informou que foi rendida quando colocava lenha nos fornos, os autores apontaram as armas e o agrediram com chutes, informou ainda que um dos autores usava um rádio comunicador e se comunicava provavelmente com outro (os), que estavam em um veículo estacionado na entrada da empresa, onde há uma porteira que estava trancada.

Os proprietários foram orientados a procurar a Delegacia de Polícia Civil de Silvânia, para providências cabíveis e que mantivessem o local isolado devido ao interesse de fosse feito perícia no local.
PRIMEIRO, VOCÊ VÊ AQUI!
Depois...

BLOG OLHAR CIDADÃO SILVANIENSE, INDISCUTIVELMENTE, VOCÊ BEM INFORMADO!

REPRODUÇÕES SÃO AUTORIZADAS DESDE QUE A FONTE DAS INFORMAÇÕES SEJA DIVULGADA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário