OBTENHA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O QUE OS MELHORES COMÉRCIOS E PRESTADORES DE SERVIÇOS DE SILVÂNIA E REGIÃO, TEM PARA LHE OFERECER, CLICANDO SOBRE OS ESPAÇOS DE PUBLICIDADE ABAIXO:

sábado, 14 de abril de 2018

Cidadãos Silvanienses reafirmam indignação quanto a aprovação pela Câmara Municipal, de projeto de autoria do Executivo, de doação de área pública localizada em frente ao FORUM de Silvânia, e comparam o absurdo com o arrebanhamento de pessoas carentes com a promessa de doação de moradias populares, para visita do governador do Estado, quando da inauguração da Igreja de São Sebastião, em 2017, uma vez que nenhuma moradia foi iniciada até hoje.

A recente aprovação do projeto de autoria do Poder Executivo de Silvânia, pela maioria dos vereadores da Câmara Municipal de Silvânia (com exceção do vereador Kleber França), projeto que doou uma área pública de 1.887,70 m², (equivalente a pouco mais de seis lotes de 300 m² cada um, no tamanho de lotes existentes no Setor Sul, em Silvânia, por exemplo, área avaliada aproximadamente entre um milhão e trezentos mil reais e um milhão e quinhentos mil reais), em frente ao Forum de Silvânia, para a OAB, área esta, que naturalmente deveria ser utilizada para estacionamento do Forum, concentração popular em casos de passeatas, carreatas, eventos campais e etc, situação que vai impactar negativamente a cidade a curto e longo prazo, movimentou a opinião pública, através das redes sociais e demais órgãos de comunicação em Silvânia.



O assunto continua se desdobrando e cidadãos têm questionado a referida doação e a forma com que a votação ocorreu na Câmara Municipal, sem divulgação prévia, a exemplo de outros projetos polêmicos onde o cidadão somente toma conhecimento em cima da hora.

Muito tem sido falado e comparações tem sido inevitáveis sobretudo, com episódio ocorrido quando da inauguração das obras de restauração e reforma da Igreja de São Sebastião, no Bairro São Sebastião, em Silvânia, no dia 27/06/2017, que contou com a presença do então governador Marconi Perillo, onde com o intuito de aglomerar várias pessoas no evento para recebê-lo e sua comitiva, foi prometido que seriam entregues senhas para pessoas carentes que necessitam de moradia popular, inclusive com a chegada no local de pessoas ainda de madrugada em busca do "benefício".

Na ocasião, sequer foi citado que o principal responsável pela ação que culminou com a inauguração da referida igreja, o Ministério Público do Estado de Goiás, que através do seu representante na Comarca de Silvânia, o Promotor de Justiça, Dr.Carlos Luiz Wolff de Pina, ajuizou ação em desfavor do  Município, Estado e Arquidiocese, obrigando a restauração do referido patrimônio histórico, fato é, que até hoje nenhuma moradia foi iniciada.

O fato de pessoas carentes que necessitam de moradia terem sido arrebanhadas para fazer volume ao receber o governador do Estado, com a promessa de receberem senhas para doação de moradias populares, onde até hoje não existe nenhuma moradia edificada, sequer iniciada, contrapõe a rapidez da aprovação do projeto, que segundo aqueles contrários a doação da área pública, possuí diversa irregularidades legais.

Em comparativo, quantos lotes populares ou quantas casas populares se poderia construir com um milhão e trezentos mil reais, um milhão e quinhentos mil reais?

Contribuições dos membros da instituição beneficiada poderiam ser revertidas para compra de um terreno, nos espelhemos no SINDISILVANIA-Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Silvânia, que comprou sua sede própria, através de recursos próprios e ao longo do tempo acumulou um grande valor em caixa (pelo menos até a o início da primeira gestão do atual prefeito [ver repasses de direitos]), e tem caixa usado em benefício dos sindicalizados.

Nós do Blog Olhar Cidadão Silvaniense, reafirmamos não termos nada contra a instituição OAB, ou contra nenhum advogado, todavia, como o nosso próprio nome diz "OLHAR CIDADÃO", somos porta-voz da população e veiculamos o sentimento de indignação do cidadão Silvaniense, que vê de forma clara e antecipada os transtornos que uma edificação naquele local vai impactar negativamente o urbanismo da cidade a curto e longo prazo.
PRIMEIRO, VOCÊ VÊ AQUI!
Depois...


BLOG OLHAR CIDADÃO SILVANIENSE, REFERÊNCIA EM INFORMAÇÃO, INDISCUTIVELMENTE, VOCÊ BEM INFORMADO!

REPRODUÇÕES SÃO AUTORIZADAS DESDE QUE A FONTE DAS INFORMAÇÕES SEJA DIVULGADA

Um comentário: