OBTENHA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O QUE OS MELHORES COMÉRCIOS E PRESTADORES DE SERVIÇOS DE SILVÂNIA E REGIÃO, TEM PARA LHE OFERECER, CLICANDO SOBRE OS ESPAÇOS DE PUBLICIDADE ABAIXO:

segunda-feira, 11 de junho de 2018

Policiais de Goiás e do DF recuperam cargas roubadas na região do Entorno.

Peso e valor dos itens encontrados ainda não foram levantados (Foto: reprodução/PC-GO)

O material foi resgatado em um galpão na cidade de Ceilândia. Três pessoas foram detidas e diversos itens entre materiais de limpeza, gêneros alimentícios e bebidas foram recuperados


Operação desencadeada pela Polícia Civil (PC) e Batalhão de Rotam de Goiás, com apoio da Rotam do Distrito Federal (DF), no domingo (10) resultou na prisão de três pessoas e na recuperação de cargas roubadas na região do Entorno. Foram encontrados diversos fardos de bebidas, gêneros alimentícios e produtos de limpeza em um galpão na cidade satélite de Ceilândia.  A quantidade de itens ainda não foi apurada, mas segundo o delegado Alex Vasconcelos, responsável pela diligência batizada de Pró-Carga, foram necessários cinco caminhões para remover as mercadorias.

Os produtos estão sendo transportados para Goiânia e ficarão em um depósito aguardando manifestações dos comerciantes que foram vítimas de roubo. A quadrilha tinha como ponto base a cidade de Águas Lindas, mas realizava os roubos nas regiões de Santo Antônio do Descoberto, Cocalzinho de Goiás e Luziânia.
Produtos de limpeza e gêneros alimentícios estavam entre os itens mais encontrados (Foto: reprodução/PC-GO)


“As investigações iniciaram há dois meses e, nesse período, a organização criminosa realizou pelo menos oito roubos. Também investigamos comerciantes do Entorno, para quem possivelmente eram revendidas as mercadorias”, afirma ele, que é adjunto da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar).

De acordo com o delegado, bandidos abordavam os caminhões nas estradas, colocavam o motorista em carros utilizados por eles e seguiam para um cativeiro, onde alguém permanecia vigiando. “Enquanto isso, membros da quadrilha conduziam a carga até galpão e depois abandonavam o veículo. O motorista era liberado na sequência. Não ficamos surpresos com a quantidade de itens encontrada. Sabíamos que seria muito. Mas o trabalho ainda não terminou. Vamos persistir até prendermos todos os integrantes da associação criminosa”, reforça Alex.
A quantidade de itens era tamanha que o grupo possuía uma empilhadeira para organizar as mercadorias (Foto: reprodução/PC-GO)


Os nomes dos indivíduos detidos não foram revelados. Uma estimativa de valoração da carga encontrada também não foi feita. Cerca de 24 policiais participaram da operação.

Fonte:Reprodução Mais Goiás.

Nenhum comentário:

Postar um comentário