OBTENHA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O QUE OS MELHORES COMÉRCIOS E PRESTADORES DE SERVIÇOS DE SILVÂNIA E REGIÃO, TEM PARA LHE OFERECER, CLICANDO SOBRE OS ESPAÇOS DE PUBLICIDADE ABAIXO:

terça-feira, 29 de janeiro de 2019

Denúncias chegadas a reportagem do Blog Olhar Cidadão Silvaniense, dão conta de que túmulos do Cemitério Municipal de Silvânia, estão sendo desmanchados para construção de novas sepulturas que estariam sendo vendidas, flagramos corredores sendo usados para construção de novas sepulturas, impossibilitando novos sepultamento em sepulturas e jazigos, o do fundador de Vianópolis, Felismino de Souza Viana, é um deles.

Cemitério Municipal de Silvânia.
Imagem de arquivo/Google earth.
Cemitério Municipal
de Silvânia.
Imagem de arquivo/
Google earth.
A reportagem do Blog Olhar Cidadão Silvaniense, tem recebido frequentemente denúncias de que túmulos do Cemitério Municipal de Silvânia, estão sendo desmanchados para construção de novas sepulturas que estariam sendo vendidas. Flagramos corredores sendo usados para construção de novas sepulturas, impossibilitando novos sepultamentos em sepulturas e jazigos, o do fundador de Vianópolis, Felismino de Souza Viana, é um deles.

Portão de acesso a Rua 14, entulhos de túmulos
jogados do lado de fora.
Foto:Christiano Lobo.

Nas denúncias, nos foi informado que semanalmente túmulos estariam sendo desmanchados e os entulhos estariam sendo depositados do lado de fora do cemitério (veja fotos), ao lado do portão que dá acesso a Rua Quatorze, que tem início quase que em frente ao portão principal da garagem municipal (SECRETARIA DE INFRAESTRUTURA E OBRAS), posteriormente são recolhidos pelo caminhão ou trator com carreta, responsável pela coleta de entulhos.
Calçada da Rua 14, entulhos de túmulos
jogados do lado de fora.
Foto:Christiano Lobo.

Calçada da Rua 14, entulhos de túmulos
jogados do lado de fora.
Foto:Christiano Lobo.

Entulhos de túmulos
jogados do lado de fora na Rua 14.
Foto:Christiano Lobo.

Entulhos de túmulos
jogados do lado de fora na Rua 14.
Foto:Christiano Lobo.

Jazigo de Felismino Viana e sua esposa Luíza Augusta Viana.
Clique na imagem para ampliar e melhor visualizar.
Foto:Christiano Lobo.
No último sábado, 26, nossa reportagem flagrou (veja foto) o início da construção de uma nova sepultura em um corredor, em frente ao túmulo do fundador de Vianópolis, Felismino de Souza Viana e de sua esposa Luíza Augusta Viana, impossibilitando assim, que novos sepultamentos sejam realizados no referido jazigo, conforme as denuncias, a prática seria comum no cemitério, dificultando ainda mais a passagem dos cortejos fúnebres em meio as sepulturas.
Sepultura sendo construída em frente ao túmulo do fundador de Vianópolis, Felismino de Souza Viana e de sua esposa Luíza Augusta Viana, impossibilitando assim, que novos sepultamentos sejam realizados no referido jazigo.
Fato é, que há vários anos e mais intensamente nos últimos seis anos, tem sido discutida a necessidade de construção de um outro cemitério municipal, em local mais amplo, dentro dos padrões legais preconizados, porém, o Poder Público Municipal de Silvânia, seja através do executivo (Prefeitura Municipal) como do legislativo (Câmara de vereadores), não cumprem com suas obrigações e ficam jogando o problema para frente, talvez por que os corpos sepultados no Cemitério Municipal de Silvânia, não votem mais.

Se realmente tivessemos vereadores compromissados com o cidadão Silvaniense e que verdadeiramente honrassem seus mandatos cumprindo com suas obrigações de legislar e fiscalizar, sem pensar nos próprios umbigos e sim na coletividade, a nossa realidade seria outra.

Vejamos o exemplo de Vianópolis, o cemitério foi reformado recentemente com muros altos (impedindo o acesso de vândalos), nova capela e um outro cemitério está sendo construído.

Que isso em senhor prefeito, que isso em senhores vereadores!
PRIMEIRO, VOCÊ VÊ AQUI!
Depois, vão reproduzir por aí, sem citar a fonte das informações.

PUBLICAÇÕES PODERÃO SER ATUALIZADAS A QUALQUER MOMENTO.


BLOG OLHAR CIDADÃO SILVANIENSE, REFERÊNCIA EM INFORMAÇÃO, INDISCUTIVELMENTE, VOCÊ BEM INFORMADO!

REPRODUÇÕES SÃO AUTORIZADAS DESDE QUE A FONTE DAS INFORMAÇÕES SEJA DIVULGADA.

NOSSAS PUBLICAÇÕES VEM SENDO REPRODUZIDAS SEM QUE SE TENHA O CARÁTER E O PROFISSIONALISMO DE CITAR A FONTE:
BLOG OLHAR CIDADÃO SILVANIENSE.

COMENTÁRIOS QUE NÃO TENHAM O MÍNIMO DE RESPEITO, SERÃO DELETADOS.

Um comentário:

  1. Não me espanto....como caberia mais pessoas lá se não permitiram o ossário e não ampliaram.....o espaço vem sendo usado a muitos anos e lá só caberia uma carga de defuntos de 10 anos

    ResponderExcluir